O legado de uma serva do Senhor

Entendo que não seja fácil nos dias atuais, pessoas se preocuparem com as impressões que deixam ou deixarão na vida dos outros. Entendo que na maioria das vezes as pessoas estão mais interessadas em viver suas vidas, seu mundo, seus sonhos, do que com a influência de seus atos na história de outras pessoas. Porém este tipo de atitude não é a que a palavra de Deus norteia, ao contrário disso, as Sagradas Escrituras nos mandam, sim, buscarmos o interesse do próximo e nos preocuparmos em marcar a história das outras pessoas de maneira positiva.

É obvio que esse tipo de marca, é uma de-terminação de Deus para a vida dos crentes de forma geral, porque, por detrás disso, esta o bom testemunho que devemos manter em relação ao nome de Cristo, de quem somos embaixadores.  Observem as palavras de Paulo em 2Co 6.3: “não dando nós nenhum motivo de escândalo em coisa alguma, para que o ministério não seja censurado”. E ainda em 1Co 10.24: “Ninguém busque o seu próprio interesse, e sim o de outrem”. Desta maneira, vemos que o cristianismo é uma religião que referenda o nome de Cristo e, desta maneira, devemos nos preocupar em referenciá-lo como aquele que é o nosso mestre e Senhor.

As determinações de Deus para o mode-lamento de nossas vidas tem como pressuposto a grandeza que trazemos ao próprio nome Dele como rei e Senhor de seu povo. Portanto, em tudo o que fazemos, devemos nos preocupar, sim, com aquilo que os outros pensarão de nos. Não com a nossa reputação própria e nem mesmo com nossa autorreferência, mas fazer com que nossos atos sejam expressões reais da presença do temor e do amor de Deus derramado em nossos corações. Sendo assim, vejo uma mulher cuja Bíblia não diz o nome, mas a reconhece por suas virtudes de reverência e temor ao nome do Senhor, que Deus fez dela uma das mulheres mais magníficas que eu conheço. Essa mulher era mãe de um rei e educou seu filho para ocupar o trono de um país. Sabendo da importância de tudo o que esta mulher significou para ele e para estrutura de seu reino e para a estabilidade de seu governo, ele escreveu Pv 31.10-31, mostrando o legado que sua mãe deixou, não somente a ele, mas para todas outras mulheres e homens, que impulsi-onados pelas atitudes desta mulher, devem ser espelhos tanto para sua família, quanto para a sociedade que as cerca.

Vejam o texto e alguns de seus preciosos ensinamentos e busque agir como esta mulher:

Mulher virtuosa, quem a achará? O seu valor muito excede o de finas jóias. 11O coração do seu marido confia nela, e não haverá falta de ganho. 12Ela lhe faz bem e não mal, todos os dias da sua vida. 13Busca lã e linho e de bom grado trabalha com as mãos. 14É como o navio mercante: de longe traz o seu pão. 15É ainda noite, e já se levanta, e dá mantimento à sua casa e a tarefa às suas servas. 16Examina uma propriedade e adquire-a; planta uma vinha com as rendas do seu trabalho. 17Cinge os lombos de força e fortalece os braços. 18Ela percebe que o seu ganho é bom; a sua lâmpada não se apaga de noite. 19Estende as mãos ao fuso, mãos que pegam na roca. 20Abre a mão ao aflito; e ainda a estende ao necessitado. 21No tocante à sua casa, não teme a neve, pois todos andam vestidos de lã escarlate. 22Faz para si cobertas, veste-se de linho fino e de púrpura. 23Seu marido é estimado entre os juízes, quando se assenta com os anciãos da terra. 24Ela faz roupas de linho fino, e vende-as, e dá cintas aos mercadores. 25A força e a dignidade são os seus vestidos, e, quanto ao dia de amanhã, não tem preocupações. 26Fala com sabedoria, e a instrução da bondade está na sua língua. 27Atende ao bom andamento da sua casa e não come o pão da preguiça. 28Levan¬tam-se seus filhos e lhe chamam ditosa; seu marido a louva, dizendo: 29Muitas mulheres procedem virtuosamente, mas tu a todas sobrepujas. 30Enganosa é a graça, e vã, a formo-sura, mas a mulher que teme ao SENHOR, essa será louvada. 31Dai-lhe do fruto das suas mãos, e de público a louvarão as suas obras.

(Provérbios 31.10-31)

 

O legado de uma serva do Senhor pode ser visto em algumas de suas atitudes:

1) É uma mulher da mais alta confiança (v11). Num mundo de adultérios e traições, algumas delas em consentimento, esta mulher como temente a Deus é de alta confiança para seu marido.

2) É uma mulher caridosa para com to-dos (v12). Uma pessoa que esta sempre disposta a ajudar e fazer o bem aqueles que necessitam. Não vive na maquinação do mal e nem com fofocas e intrigas.

3) É compromissada com o trabalho, a preguiça não faz parte de seu dia a dia (v15-20). É uma pessoa empreendedora e capaz, arti-culada e muito ágil nas negociações. Uma auxilia-dora que não põe o marido sob maus lençóis, fazendo-o gastar além do que pode; antes, ajuda-o na administração correta de seus bens.

4) É uma mãe competente na adminis-tração de sua casa também (v21-27). Sua competência administrativa mostra sua capaci-dade de gerenciar as dependências de sua casa. No mundo de hoje temos executivas ocupando grandes responsabilidades em grandes empresas, mas que deixam sua família entregue nas mãos de estranhos. Esta mulher via a importância de sua vida, voltada também na boa condução de seu lar.

5) Uma pessoa estimada e respeitada em sua própria casa (v28-31). Se quisermos co-nhecer uma pessoa, temos que conviver com ela, e uma melhor convivência é quando passamos muito tempo juntos, inclusive dentro da própria casa. É por isso que os programas de reality show mostram um lado tão egoísta e repugnante, em que pessoas se digladiam e mostram suas depravações. O melhor lugar para se conhecer uma pessoa é morando com ela. Aqui sua família que morava com ela pôde falar com propriedade sobre seu caráter, o que fez com que eles a exaltassem.

Creio que nosso espaço é pouco para fa-zemos um arranjo mais adequado e perceptivo da vida desta mulher e do que ela deixou para todos nós. Porém, avalie sua vida. E se você não se enquadrar em alguma dessas características, peça a Deus graça e busque imitar pessoas que amam a Cristo e que deixaram uma herança construída no temor a Deus e no respeito pelo próximo. O que precisa mudar para que você se assemelhe a esta mulher? O quanto você tem percebido a necessidade de ser alguém que honre ao Senhor? Qual é a herança que você deixará?

Omnibus Coram Deo.

Rev. Nelson G. Abreu Júnior

Tags: , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma Resposta